Mensagens e milagres eucarísticos na obra MADRE DELL'EUCARISTIA

Mensagens e milagres eucarísticos na obra MADRE DELL'EUCARISTIA

As Origens

É difícil recontar, em poucas palavras, a história das aparições de Jesus e Nossa Senhora a Marisa; aparições nas quais tanto participei como testemunhei desde 1971 e que continuam ainda hoje.
Embora tenham havido aparições antes de 1971, eu gostaria de falar aqui apenas daquelas que abrangem os vinte e dois anos durante os quais as tenho seguido bem de perto como diretor espiritual de Marisa.
Este longo período (1971 - 1993) é subdividido em duas partes. A primeira é de 1971 a 1986 e a segunda vai de 1986 até junho de 1993.
Durante o primeiro período, muito poucas pessoas sabiam destas aparições e somente eu sempre participei delas. Primeiro, para ter certeza de sua origem sobrenatural, tive que estudá-las; esquadrinhá-las, eu diria, e submetê-las a um exame diligente. Tive que me tornar competente para aconselhar, instruir e guiar, porque, no início destas experiências sobrenaturais, eu era muito jovem e inexperiente.
Examinei as mensagens e, ao compará-las, nada encontrei que contradissesse a Sagrada Escritura. Sempre me lembrei das palavras de São Paulo: "Ainda que alguém - nós ou um anjo baixado do céu - vos anunciasse um evangelho diferente do que vos temos anunciado, que ele seja anátema!" (Gálatas 1,8)
Encontrei uma confirmação de que as mensagens vinham de Deus ao ver como aquelas pessoas que recebiam as mensagens se tornavam capazes de colher frutos espirituais em suas vidas diárias. A Palavra de Deus ilumina sobre esse ponto: "O fruto do Espírito é caridade, paz, paciência, afabilidade, bondade, fidelidade, brandura, temperança." (Gálatas 5, 22)
Encontrei nas mensagens sincero amor pela Igreja, respeito pela hierarquia eclesiástica e completa docilidade ao Magistério. Há nelas, também, um imenso amor, sempre anguistiado, mas sempre respeitodo aos sacerdotes, os quais são referenciados como "filhos prediletos". Embora eu me lembrasse muito bem das palavras de Jesus, "uma geração perversa e adúltera busca um sinal" (Mateus 12, 39), eu pedi e recebi sinais e prodígios que me deixaram à vontade para atribuir uma origem sobrenatural a estas aparições.
Finalmente, percebi retornarem a mim as palavras de Gamaliel, e penso que devemos sempre nos lembrar delas:  "Se o seu projeto ou sua obra provém de homens, por si mesma se destruirá; mas se provier de Deus, não podereis desfazê-la. Vós vos arriscaríeis a entrar em luta contra o próprio Deus" (Atos 5, 38-39).
O primeiro período foi o melhor para nós, e nos recordamos dele com satisfação, porque vivemos essas experiências sobrenaturais com as quais nos preocupávamos, sem ter que nos submeter a críticas, curiosidade, incredulidade ou hostilidade das pessoas.
(...)

Mais em: http://www.madredelleucaristia.it/por/origens.htm

Don Claudio Gatti

Roma, 8 de dezembro de 1993
Festa da Imaculada Conceição

Veja as fotos dos Milagres Eucarísticos.

O testemunho do Padre René Laurentin
O Padre René Laurentin, provavelmente o mais famoso entendido em aparições de Nossa Senhora, veio a Roma em dezembro de 1993. Ele visitou Marisa Rossi e Dom Claudio Gatti, assistiu a uma aparição e entrevistou estes dois protagonistas. Ele reportou esta experiência na revista "Stella Maris", em um artigo publicado no exemplar 292/2 (Fevereiro de 1994). Palavras graves de João Paulo II sobre o "futuro próximo"

Quando o Papa João Paulo II esteve em Fulda, durante sua visita à Alemanha, (de 15 a 19 de novembro de 1980) ele respondeu a algumas perguntas de um grupo de pessoas: uma pergunta foi sobre o 3o. segredo de Fátima e outra sobre o "futuro próximo" da Igreja. Uma das pessoas presentes documentou a conversa. Nomes de testemunhas estão no escritório editorial da revista "Vox fidei". Abaixo está relatado parte do texto de duas perguntas, publicadas (em italiano) naquela revista (issue #10 - 1981).

Pergunta : "E sobre o terceiro segredo de Fátima? Ele deveria já ter sido publicado em 1960".
Resposta (do Santo Padre): "Devido a seu conteúdo dramático e para não permitir que o poder global do comunismo interferisse nos assuntos da Igreja, meus predecessores deram informações confidenciais de maneira diplomática. Além disso, deveria ser suficiente para todo cristão o que segue: quando se lê que os oceanos inundarão continentes inteiros, que milhões de homens morrerão subitamente em poucos minutos.. se isto for sabido, não é realmente necessário anunciar a publicação deste segredo... Muitos querem saber por curiosidade e sensacionalismo: mas se esquecem que "saber" envolve também responsabilidade... mas querem saber apenas para satisfazer sua própria curiosidade. Isso é perigoso quando, ao mesmo tempo, não desejam fazer nada, dizendo: "É inútil fazer algo para melhorar a situação!". - Então o Papa pegou o Rosário e disse: - "Aqui está o remédio para esse mal! Rezem, rezem e não perguntem mais. Recomendem o resto a Nossa Senhora!".

Pergunta: "Como vai a Igreja?".
Resposta (do Santo Padre): "Devemos estar pronto para enfrentar provações iminente, que also requerem o sacrifício de nossas vidas por Cristo... As provações poderão ser reduzidas pela sua e pela nossa oração, mas não podem (mais) ser evitadas, porque uma verdadeira renovação da Igreja pode acontecer dessa forma... assimcomo já ocorreu muitas vezes que a Igreja ressurgiu novamente pelo sangue. Também não será diferente desta vez. Sejamos fortes e estejamos prontos, tendo fé em Cristo e em Sua Mãe. Rezemos muito e com freqüência o Santo Rosário".

Jesus indica a maneira ao fim de obter a paz

O dia 4 de Outubro 2001, S.E. Monsenhor Claudio Gatti, Bispo requisitado da Deus, tem a SS. Missa a concluçao de um dia de adoraçao da Eucaristia, organizada pelos membros da comunidade para pedir o presente da paz.
Marisa, que pelas suas doenças nao poderia vir para baixo na capela, ouvia a celebraçao da SS. Missa através o ràdio.
Apòs a Consacraçao, a vegente viu dois relampagos iluminar o quarto e pensou de que poderiam ser consequencias das perturbaçoes atmosfericas.
Quando Marisa levantouse, observou dois obleas sobre uma escultura de madeira que reprodus dois maos que apertam o calis e a oblea, e viu Nossa Senhora em joelhos, em profonda adoraçao em frente à Eucaristia.
Marisa perguntouse: "Porqué, Senior, isto miracle nos temos a Eucaristia na capela?", e Jesus respondeu: "Soamente se os homens virao junto de me, Jesus Eucaristia, poderao obter o presente da paz, se nao estourarà uma guerra com muitos morridos, morridos, morridos".
O significado das palavras divine nao deixa duvidas: soamente a Eucaristia poderà conservar o mundo da uma catastrofe.
As pessoas que estavam na capela foi pedino de subir para ver o miracle, depois ficaram ainda mas pela adoraçao eucaristica até meia noite.
As obleas fizeram um perfumo que indica que foram levadas pela Mae da Eucarestia.

-------------------------------------------------

Carta enviada por Pe. Claudio Gatti dia 1 o de maio de 1998 a todos os Cardeais e Bispos e aos líderes de Ordens Religiosas e de Conferências Episcopais da Igreja Católica Apostólica Romana em todo o mundo.

Aos Cardeais, aos Bispos e aos sacerdotes da Igreja Una, Santa, Católica, Apostólica, Romana.

Caríssimo Padre e Irmão em Cristo,
Eu me dirijo a vós com respeito e amor, para convidar-vos a ler esta carta com atenção: seu conteúdo é tão importante que que a história irá falar sobre isto, como o Senhor o disse. A Bem-Aventurada Virgem Maria por muitos anos vem aparecendo como "Mãe da Eucaristia" à vidente Marisa Rossi em Roma.
No livro entitulado "Monumenta Eucharistica" escrito por Gerardo Di Nola e publicado pela Ed. Dehoniane, Roma, um livro que sugiro que leiais, está escrito: "Maria, Mãe do Corpo de Cristo é também Mãe da Eucaristia. Maria, assim como a Igreja, dá aos Cristãos o Cristo Eucarístico para seu alimento espiritual. É suficiente pensar sobre aquele extraordinário bardo da Virgem Maria, Santo Efrem Siro, que, compreendendo o íntimo relacionamento Maria - Eva - Eucaristia - Igreja, proclama em seus Hinos: "A Igreja deu-nos o pão da vida, em lugar do pão da exaustão que Eva nos deu".
O título "Mãe da Eucaristia", mesmo se não possui aquele completo e profundo significado teológico que Nossa Senhora, ela mesma, tem revelado em suas mensagens, está presente na Igreja pelo menos desde o século 14, quando Gersone, um famoso teólogo e místico francês, dedicou uma seção inteira de seu "Tractatus super Magnificat" sobre a relação entre o sacramento do Corpo de Cristo e a Virgem, definida como "Mãe da Eucaristia".
O Papa Pio XII instituiu a festa litúrgica da "Bem-Aventurada Virgem Maria, Nossa Senhora do Santíssimo Sacramento", que é celebrada no dia 13 de maio.
O 12 o . Congresso Internacional de Maria (18-14 de agosto de 1996) e o 19 o . Congresso Mariano Internacional (14-16 de agosto de 1996) em Czestochova, apresentaram este assunto: Maria e a Eucaristia. O Papa João Paulo II, falando aos fiéis no dia 5 de junho de 1983, ensinou que "Na raiz da Eucaristia está a vida virginal e maternal de Maria. O Corpo que comemos e o Sangue que bebemos ainda tem em si, como Pãe fragrante, o sabor e aroma da Virgem Mãe".
Bem, por que tantos sacerdotes oferecem forte oposição ao título "Mãe da Eucaristia", desfechando flechas contra mim e Marisa?
Jesus disse: "A Imaculada Conceição abre a história e a Mãe da Eucaristia encerra a história". Se isto for verdade, como o Papa João Paulo II ensina, que: "Naquele único Sacrifício, Maria teve parte ativa. Ela ficou de pé ao lado do Crucificado, com seu coração materno associou-se a Seu Sacrifício e ofereceu-o ao Pai" (5 de junho de 1983), também é verdade que o Pão Celeste é dado a nós através do "SIM" de Maria. Jesus, junto com a Mãe da Eucaristia, dá a Eucaristia ao homem, portanto nossa gratidão deve ser expressada ao Filho e a Sua Mãe.
Embora o decreto conciliar "Presbiterium ordinis" ensine: "Na Sagrada Eucaristia está contido o sumo bem espiritual da Igreja, que é o Próprio Cristo, nossa Páscoa e Pão Vivo que, por Sua carne é vivificada e vivificante no Espírito Santo, dá vida ao homem. A Eucaristia aparece como primavera e culminação de toda a evangelização. A Sinapse Eucarística, portanto, é o centro da Comunidade dos Cristãos, presidida por um sacerdote" - nossa Comunidade, como disse Nossa Senhora em 6 de dezembro de 1994, "foi privada da Eucaristia, sem motivo". Nesta ocasião baixei minha cabeça e disse ao Cardeal Ruini: "Eu obedeço, ainda que com a morte em meu coração".
A Mãe da Eucaristia explicou: "Ele atingem o pastor para dispersar o rebanho. Seu pastor sempre foi obediente à Igreja. Eles o atingiram porque estas são as aparições mais importantes, as mais combatidas, sofridas e as mais difíceis em toda a história da Igreja".
Ela também anunciou como um profeta: "As batalhas continuarão e serão lutadas com força por homens grandes e pequenos, contra estes meus dois filhos".
Esta profecia foi cumprida pontualmente quando os grandes Milagres Eucarísticos, que haviam sido anunciados muito antes de seu tempo, começaram a acontecer e a se repetir.
Dentro de nossa capela, que está privada da Eucaristia, Jesus, Nossa Senhora, os anjos e os santos, trazem a Eucaristia, Que é colocada diretamente no sacrário ou no altar. Na noite anterior não há nada, mas na manhã seguinte quem entra na capela descobre que a Eucaristia está presente no sacrário ou no altar. Deve ficar claro que apenas eu tenho as chaves da capela e do sacrário e eu as guardo com amoroso cuidado.
Quem pode evitar que Jesus, o Primeiro, o Altíssimo e Eterno Sacerdote, tire a Eucaristia de sacrários das igrejas em que Ele não é amado, e A traga para este lugar taumatúrgico?
Quem pode evitar que a Mãe da Eucaristia tire a Eucaristia da profanação e das missas negras e A traga para este lugar taumatúrgico?
Quem pode evitar que os anjos e os santos coloquem a Eucaristia neste lugar taumatúrgico, obedecendo ordens divinas?
Os milagres Eucarísticos também acontecerem de algumas maneiras particulares:
(1) Por seis vezes, algumas Hóstias foram trazidas e saiu sangue delas. A última Hóstia manchada de sangue foi colocada por Nossa Senhora em um cibório, no dia 22 de março de 1998. Nós guardamos esta Hóstia e podemos afirmar que nem o Sangue nem a Hóstia estão mostrando qualquer sinal de decomposição, ao contrário: a Hóstia desprende um odor característico.
(2) Várias vezes algumas Hóstias foram trazidas e delas brotou soro. São João viu sangue e água jorrarem do peito ferido do Crucificado (João 19, 34).
(3) Dia 29 de junho de 1997, várias pessoas viram uma Hóstia saindo do peito de Jesus em um Crucifixo: primeiro Ela voou dentro de uma caixa de vidro que protege esse Crucifixo, então passou através do vidro sem quebrá-lo. Este milagre se repetiu diversas vezes. Os Padres da Igreja e os Concílios ensinaram que do peito de Cristo na Cruz saíram a Eucaristia, os outros Sacramentos e a Igreja.
(4) Por sete vezes eu próprio, quando a Eucaristia que foi trazida não era suficiente para ser dada em comunhão para todas as pessoas presentes, vi os fragmentos das Hóstias se multiplicarem em minhas mãos. Podemos dar Comunhão a mais de 160 pessoas com apenas 10 Hóstias? Várias pessoas podem testemunhar esta "multiplicação da Eucaristia".
(5) As Hóstias trazidas por Jesus e Nossa Senhora desprendem um odor característico que é claramente percebido pelas pessoas que as recebem em comunhão e que às vezes também persiste após se consumir a Hóstia.
(6) Segundo ordem de Deus, estamos mantendo uma grande Hóstia que foi dada a Marisa no dia 18 de fevereiro de 1996. Esta Hóstia não sofreu modificação estrutural alguma e manteve sua forma e tamanho originais. Portanto, do ponto de vista químico, não se explica como esta Hóstia, depois de tanto tempo, permanece inteira e intacta e como não perdeu nenhuma de suas propriedades físico-químicas.
(7) No dia 1 o . de janeiro de 1998, na presença de várias testemunhas, uma Hóstia, colocada por Nossa Senhora em um quadro da Mãe da Eucaristia, surgiu e voou para as mãos de Marisa Rossi. Desta Hóstia, saíram duas outras Hóstias: o significado teológico deste evento extraordinário é claro e os presentes podem testemunhar sobre este evento.
Até agora, mais de cem Milagres Eucarísticos ocorreram e o número de Hóstias trazidas sempre muda. A Autoridade Eclesiástica de Roma e os membros da comissão instituída para examinar os Milagres Eucarísticos, sem questionarem Marisa, as testemunhas e a mim, sem terem visto o material fotográfico e os vídeos que temos disponíveis, descartaram os milagres, que haviam sido definidos por Jesus: "Os maiores milagres Eucarísticos na história da Igreja" e os definiram nestas palavras ofensivas: "Casos de patologia religiosa, casos de truques de parque de diversões, piadas de saltimbancos, efeitos de manipulação e truques, efeitos de intervenção satânica".
Diversas vezes, sem sucesso, pedimos pela presença de exorcistas, de especialistas e de membros da comissão, para que pudessem excluir a intervenção humana e satânica, e pudessem verificar a intervenção divina, mas sempre nos deparamos com uma recusa vazia.
Finalmente, o Cardeal Ruini, Vigário Geral do Papa, confrontou-me com este dilema: ou recusar a adoração à Eucaristia trazida por Jesus e por Nossa Senhora, ou ser suspenso do exercício das funções sagradas (divinis).
Repeti com São João: "Eu vi e acreditei" (João 20, 8) portanto, como eu não podia violentar minha consciência e me colocar contra Deus, aceitei a suspensão.
O Cardeal Ruini disse que a suspensão será removida apenas se eu reconhecer que levei os fiéis ao erro e se eu garantir que não irei mais adorar e não permitirei mais que adorem a Eucaristia trazida milagrosamente por Deus e pela Mãe da Eucaristia.
Se eu cometi tão grande pecado por ter adorado a Eucaristia trazida por Jesus e Nossa Senhora, para ser suspenso, então o Papa João Paulo II cometeu o mesmo pecado, porque dia 7 de dezembro de 1997, ele adorou a Eucaristia que Nossa Senhora havia colocado em uma pintura da Mãe da Eucaristia, trazida à Praça de São Pedro por mim e por Marisa junto com duzentas pessoas.
Nossa Senhora, aparecendo a Marisa na Praça de São Pedro após o Angelus do Papa, disse: "Eu, como Mãe da Eucaristia, fiz hoje minha entrada aqui e ela continuará. Eu indiquei ao Papa onde estava a Eucaristia e ele A adorou."
Eu não sei se o Cardeal Ruini contou ao Papa sobre os milagres Eucarísticos que estão acontecendo em sua diocese e sobre a medida severa tomada contra mim, tendo sido suspenso do exercício das funções sagradas. Certamente o Papa sabe, por meios humanos e "per aliam viam (por outros meios)" o que está acontecendo no lugar taumatúrgico: para mim e Marisa foi realmente uma surpresa e uma alegria quando o Papa, durante uma audiência pública na sala Paulo VI, dia 3 de novembro de 1993, nos saudou desta forma: "Vocês são aqueles de Nossa Senhora".
Jesus disse que a luta contra a Eucaristia começou e os filhos de Deus devem defendê-lA, a qualquer custo. Eu e Marisa não estamos lutando nossa própria batalha, não buscamos vingança, não perseguimos ambições pessoais e podemos dizer pacificamente: "Somos apenas servos. Não fazemos mais que nossa obrigação." (Lucas 17, 10).
Para nós é uma graça sofrer por Jesus Eucarístico e podemos repetir com São Paulo: "Em tudo somos oprimidos, mas não sucumbimos. Vivemos em completa penúria, mas não desesperamos. Somos perseguidos, mas não ficamos desamparados. Somos abatidos, mas não somos destruídos." (2 Cor. 4,8-9).
A Mãe da Eucaristia prometeu: "Junto com o triunfo da Eucaristia e da verdade, haverá seu triunfo também". Ela também indicou o ano em que isto acontecerá: 1999 .
Com fé firme estamos esperando pela intervenção divina e, aguardando por ela, temos paciência e serenidade.
A Mãe da Eucaristia também anuncio em suas mensagens que:
(1) A Igreja sofrerá uma divisão e a Eucaristia, sacramento de união, tornar-se-á causa de divisão. De um lado ficarão os homens da Igreja que acreditam na Eucaristia, que amam Nossa Senhora e estão unidos e obedientes ao Papa, que hoje é João Paulo II, e do outro lado ficarão os homens da Igreja que não crêem na Eucaristia, que não amam Nossa Senhora e não estão unidos nem obedientes ao Papa.
(2) Quando os tempos duros e difíceis chegarem, e eles estão muito próximos, será muito tarde que para aqueles que lutam contra a Eucaristia convertam seus corações. Agora é um tempo de misericórdia, então será o tempo da justiça.
(3) Com o triunfo da Eucaristia, virá o triunfo da verdade e os inimigos da Eucaristia "serão removidos de seus tronos".
(4) O triunfo da Eucaristia, que começou no lugar taumatúrgico (Via delle Benedettine) em Roma, espalhar-se-á por todo o mundo e a face da Igreja brilhará novamente sem nenhuma mancha ou sombra.
(5) Os milagres Eucarísticos que aconteceram em Roma no lugar taumatúrgico reunirão todas as raças e com todas as religiões farão apenas uma religião, santa, católica, apostólica, romana.
(6) A permissão para celebrar a Santa Missa e manter a Eucaristia em nossa capela certamente será restabelecida pela autoridade eclesiástica competente, unida com o Papa.
(7) A Bem-Aventurada Virgem será invocada em toda a Igreja com o título "Mãe da Eucaristia" e uma festa litúrgica em sua honra será instituída.
(8) As aparições da Mãe da Eucaristia, os milagres Eucarísticos e as teofanias da Trindade, que ocorreram no lugar taumatúrgico, serão reconhecidos pela Igreja. As mensagens da Mãe da Eucaristia serão lidas por toda a Igreja e traduzidas em todas as línguas.
(9) Em Roma, uma grande igreja, consagrada à Mãe da Eucaristia, será erguida. Papas, Cardais, Bispos, sacerdotes, freiras e leigos, virão rezar nessa igreja e no lugar taumatúrgico.
(10) A História falará sobre o que aconteceu em Roma, no lugar taumatúrgico.
Caro Padre e Irmão em Cristo, eu vos escrevo bem antes do tempo em que tudo o que Jesus e a Mãe da Eucaristia anunciaram acontecerá, e convido-vos a guardar esta carta para verificar se o que ela diz é absolutamente verdade.
Segundo a vontade de Deus, o Papa João Paulo II tem uma grande missão. Jesus disse: "Rezem, para que o Papa tenha a força e a coragem de realizar a vontade de Deus e desempenhar a grande missão que lhe foi confiada".
João Paulo II conluiu sua exortação apostólica "Tertio Millennio Adveniente" anunciando que o ano 2000 será "um ano intensamente Eucarístico em Roma, e o Congresso Eucarístico Internacional será realizado". Devo observar com grande amargura que se fala pouco sobre este grande anúncio do Papa. mas acrescento o que Nossa Senhora disse: "Todo o terceiro Milênio será intensamente Eucarístico".
O triunfo da Eucaristia, preparado pela Mãe da Eucaristia, segundo a vontade de Deus, será iniciado em Roma e exatamente no lugar taumatúrgico (Via delle Benedettine, 91-93), onde os grandes milagres Eucarísticos aocnteceram, e espalhar-se-á por toda a Igreja em todo o mundo.
Eu peço vossas orações por mim e Marisa, para continuarmos a ter a força de nos abandonarmos a Deus.
Se for possível, peço-vos que nos envieis um cumprimento, um voto, um encorajamento como sinal de solidariedade a nós.
Invoco sobre vós, caríssimo Padre e Irmão em Cristo, as bênçãos de Deus e a proteção da Mãe da Eucaristia.
Um grande devoto do Senhor
Fr. Claudio Gatti

Roma, 1o. de maio de 1998, dia festivo de São José Operário.

P.S. Se desejardes ter informações mais detalhadas sobres estas aparições marianas, as teofanias da Trindade e as mensagens da Mãe da Eucaristia, podereis visitar nosso web site na Internet no seguinte endereço: http://www.madredelleucaristia.it
Será possível ler seu conteúdo em inglês, espanhol, italiano, português e francês.

MOVIMENTO IMPEGNO E TESTIMONIANZA
"MADRE DELL'EUCARISTIA"

Via delle Benedettine, 91 - 00135 ROME - ITALY
Tel. +39063380587; +39063387275
Fax +39063387254
Internet: http://www.madredelleucaristia.it
E-mail: mov.imp.test@madredelleucaristia.it

Fonte e site oficial em português: http://www.madredelleucaristia.it/por/infopt.htm


Data: 11/03/2011

Este artigo foi útil?
Sim Não

Siga o Twitter do site
Envie por email, adicione aos favoitos, imprima e compartilhe com outras redes sociais:
-->

Faça comentários:


  Sobre o site | Mapa do site | Ajude o site | Contato | 2011 - Site Católico e Apostólico Romano. Criado em 2005