Profecias de Abba Pambo (Sec. IV)

O Abba Pambo viveu no Egito, e faleceu em 374. … Vou lhe contar uma coisa, meu filho, os últimos dias chegarão quando os cristãos adicionarem, removerem e alterarem os livros dos Santos Evangelistas, dos Santos Apóstolos, dos Divinos Profetas e dos Santos Padres. Eles abrandarão as Sagradas Escrituras e comporão tropários, hinos e escritos tecnologicamente. Seus nous serão dividos entre si e se tornarão alienados ao modelo celestial. Por esta razão os Santos Padres anteriormente encorajaram os monges do deserto a não escrever a vida dos Padres em papel, pois a próxima geração alterará tudo conforme seus gostos pessoais. Vejas, o mal vindouro será terrível.

O discípulo perguntou: Então, Geronda, as tradições e práticas dos cristãos serão alteradas? Talvez não haverá padres suficientes na Igreja quando este terrível tempo chegar? E então o padre continuou: Nessa época o amor de Deus na maioria das almas esfriará e uma grande loucura cairá sobre o mundo. Uma nação atacará a outra. Pessoas deixarão seus lares. Os governantes serão confusos.

O clero cairá em anarquia e os monges serão dados à negligência. Os líderes da Igreja tomarão como inútil tudo que é relacionado à salvação, tanto para as suas próprias como as do rebanho e pisotearão em toda preocupação.

E irão demonstrar zelo e energia por tudo relacionado às suas mesas de jantar e seus apetites. Eles serão preguiçosos nas orações e casuais em suas críticas. Em relação a vida e ensinamentos dos Santos Padres, eles não demonstrarão qualquer interesse em imitá-los, e nem mesmo de ouvi-los. Mas, ao invés disso, reclamarão e dirão “se estivéssemos vivos naquela época, teríamos vivido daquela maneira.”

E os bispos se renderão aos poderes do mundo, dando respostas para diferentes questões apenas após receber presentes de qualquer um e consultar a lógica dos letrados. Eles não defenderão os direitos dos pobres, atormentarão as viúvas e molestarão as crianças. O escárnio se espalhará entre essas pessoas. Muitos já não acreditarão em Deus, mas odiarão uns aos outros e se devorarão como bestas. Irão roubar uns dos outros, serão bêbados e caminharão como cegos.

O discípulo perguntou: O que nós poderemos fazer, neste caso? E o Ancião Pambo respondeu: Meu filho, nestes tempos todo aquele que desejar salvar sua alma e ajudar a salvar a alma dos outros será chamado grande no Reino dos Céus

Fonte: Ortodoxia Brasil

---

Comentário: Vemos ai a "adicionarem, removerem e alterarem os livros dos Santos Evangelistas, dos Santos Apóstolos" O que fazem hoje nem precisam modificar as escrituras textualmente, cada um dá sua interpretação de que o evangelho é só paz, amor e tolerância religiosa, o que importaria é o amor e união, ficando assim sem força para pregar a pessoa de Cristo que é mais do que convenções humanas, é Cristo poder e verdade, único alimento duradouro do homem, que com esse aviso fiquem com argumentos preparados.

"Maldito aquele que vos anunciar um evangelho diferente daquele que vos anunciamos, ainda que sejamos nós mesmos* ou algum anjo do céu**."

(Gálatas 1,8)

*Pessoas da igreja se deixaram levar por esses evagelhos light de tolerancia religiosa.

**Espíritas recebem mensagem de seres que se dizem celestiais e interpretam o novo evangelho.


Data: 01/01/2012

Este artigo foi útil?
Sim Não

Siga o Twitter do site
Envie por email, adicione aos favoitos, imprima e compartilhe com outras redes sociais:
-->

Faça comentários:


  Sobre o site | Mapa do site | Ajude o site | Contato | 2011 - Site Católico e Apostólico Romano. Criado em 2005