O poder da profecia

Um filósofo brasileiro de nome Olavo de Carvalho disse em uma de suas aulas:

"A palavra Profeta vem do verbo grego profero que quer dizer “fazer acontecer”, isto é, mandar. Claro que há alguns profetas que apenas vaticinam, anunciam, mas outros são instrumentos da ação divina, como Moisés, por exemplo, que está exercendo uma autoridade. Aquilo que ele diz vai acontecer, não simplesmente porque ele viu um desenrolar possível, mas porque ele é um elo fundamental da cadeia. Deus mandou dar aquela ordem, ele deu e aquilo vai acontecer daquele jeito mesmo. Sem a noção do poder profético, não entendemos nenhum outro poder, pois qualquer fenômeno que você esteja estudando, tem de ser estudado sobretudo nas suas manifestações mais plenas e eminentes, para depois se fazer as gradações para aquilo que são as manifestações inferiores.

"Mas quando falamos de poder no mundo dos nossos sociólogos, cientistas políticos etc., eles acham, por exemplo, que Hitler teve muito poder. Sim, um poder que durou doze anos e depois absolutamente tudo que o sujeito fez foi anulado. Esse não é o verdadeiro poder. Moisés deu certas ordens há milênios atrás e elas continuam sendo obedecidas. Esse é o verdadeiro poder."

A fonte principal da profecia é Deus, somente em silencioso recolhimento poderemos escutá-lo. Há também a profecia proclamada em um grupo de oração, e nesse caso é necessária uma escuta interior. Profecias marianas foram enviadas ao longo dos anos que apesar de não sabermos a data de realização, sabemos que uma autoridade celestial merece uma atenção tão grande como se Deus estivesse falando uma profecia para você sobre sua vida. Acontecer catástrofes seja la´qual o tamanho dela, é sempre sinal de que nossa geração, incluindo nós, está altamente enferma e precisa o quanto antes buscar uma conversão verdadeira.

Angelo Alves


Data: 29/12/2017

Este artigo foi útil?
Sim Não

Siga o Twitter do site
Envie por email, adicione aos favoitos, imprima e compartilhe com outras redes sociais:
-->

Faça comentários:


  Sobre o site | Mapa do site | Ajude o site | Contato | 2011 - Site Católico e Apostólico Romano. Criado em 2005