Exortar as pessoas com bronca ou caridade?

Se discute muito quando alguém fala publicamente seja uma assembléia de fiéis ou pela TV deve falar de forma mais exortativa ou bronca ou falar de forma mais amigável ou com caridade. Os líderes cristãos estão colocando sua imagem perante muitos e pensam em alguma forma de não desagradar as pessoas.

A questão da exortação ou martelada ocorre geralmente de forma pública no qual se esclarece sobre a fé católica e se combate as ideologias e diz as consequências de estar no erro e suas contradições. Não visa pessoas específicas.

Dependendo do público e do assunto será chamado maior exortação. Se for um público de fiéis que compreendem mais a fé mais tentamos a exortação. Se o assunto for sério expliquemos pela razão e colocar uma exortação leva as pessoas a terem atitude.

Se o Papa pede mais diálogo ou encontro, é porque isso se dá a nível privado, que é entre pessoas ao vivo. É usar a caridade para conversar e ver a solução de acordo com cada pessoa e ensinando sobre a fé da forma que a pessoa entenda. Resumindo, combate a ideologia anti-cristã de uma forma mais personalizada.

Qualquer pessoa na mídia usa seu espaço público para falar valores contrários a fé católica (aborto, prática irresponsável do sexo), mas que acaba nos atingindo porque na sociedade somos discrimandos por causas dessas idéias já impostas. E nós cuidamos também de nossos filhos que estarão expostos a essas ideologias.

Porque tantas homilias não têm a coragem de dizer ao fiél o que é certo e errado? O discurso tem que ser igual ao que aparece nas TVs? A Paz mundial não se dá pelas intenções, mas pela nossa conversão.

Temos a impressão geral que o mundo não impõem seus valores por meio da discriminação, mas o cristão já sofre o julgamento de ser antiquado e não ter seus valores ouvidos.

Temos que reagir a essa nova ordem relativista dos valores morais. Se os meios católicos não fizerem algo e os católicos de vida pública não falarem passaremos despercebidos pelo mundo.

Nas faculdades temos que mostrar que o cristianismo está vivo e reclama o seu espaço porque a razão que foi criada por Deus está sempre a favor do cristão.

Mesmo que você não saiba se defender, Jesus disse para não planejar o que falar, e São Paulo de que a sabedoria do mundo já foi declarada loucura para Deus.



Este artigo foi útil?
Sim Não

Envie por email, adicione aos favoitos e compartilhe com outras redes sociais, com esse serviço seguro e conhecido:
Faça comentários:
  Sobre o site | Mapa do site | Ajude o site | Contato | 2011 - Site Católico e Apostólico Romano. Criado em 2005